Imprensa

Veja o que estão falando sobre nós.

voltar para imprensa

Fluxo de visitantes em shoppings brasileiros cresce 1,19% em agosto ante 2016, diz Abrasce

Publicado em 12.09.2017

Share on Facebook0Share on Google+0Share on LinkedIn0Tweet about this on Twitter

 

O movimento de visitantes nos shopping centers brasileiros cresceu 1,19 por cento em agosto ante o mesmo mês do ano passado, informou nesta sexta-feira a Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce).

Em relação a julho, o fluxo de consumidores medido pelo Índice de Visitas a Shopping Centers (IVSC) em agosto subiu de 6,5 por cento, impulsionado pelo Dia dos Pais.

No acumulado do ano, o IVSC registra alta de 0,58 por cento, o que é visto como um indicador positivo de retomada da economia pela FX Retail Analytics, empresa que realiza o levantamento em parceria com a Abrasce.

“Temos notado a cada mês que 2017 tem se consolidado como o ano da retomada, apresentando números positivos em sequência, ainda que discretos”, disse o sócio-fundador FX Retail Analytics, Walter Sabini Junior, em nota.

 

Share on Facebook0Share on Google+0Share on LinkedIn0Tweet about this on Twitter
Gostou desse conteúdo?

Os comentários estão desativados.

Assessoria de Imprensa

NB Press
Nicole Barros
(11) 3254-6463
www.nbpress.com.br

Blog

Fique por dentro das novidades

  • Ler Post

    Agosto tem alta de 1,19% no fluxo de visitantes a shopping centers

    Levantamento realizado pela ABRASCE, em parceria com a FX Retail Analytics, aponta crescimento de 0,58% no acumulado do ano

    Gostou desse conteúdo?

    12.09.2017 - Por Equipe FX

  • Ler Post

    Saiba como a IoT pode aprimorar programas de fidelidade no varejo físico

    Os programas de fidelidade se consolidaram como grande trunfo do varejo para criar um hábito de compras recorrentes dos clientes em troca de bonificações.

    Gostou desse conteúdo?

    29.08.2017 - Por Walter Sabini Junior

  • Ler Post

    3 coisas que ainda levam o consumidor às lojas e como a tecnologia pode melhorá-las

    O comércio eletrônico cresce dois dígitos por ano e não é à toa. Cada vez mais os consumidores recorrem às lojas virtuais devido à facilidade de encontrar os produtos ao utilizar buscadores e comparadores, aos preços mais econômicos e à comodidade de adquirir determinado item sem sair de casa.

    Gostou desse conteúdo?

    21.08.2017 - Por Equipe FX

todos os posts