Imprensa

Veja o que estão falando sobre nós.

voltar para imprensa

FX Retail Analytics comemora dois anos com Granado e Lindt se juntando a grandes contas

Publicado em 22.08.2017

Share on Facebook0Share on Google+0Share on LinkedIn0Tweet about this on Twitter

 

Fundada em 2015 com o objetivo de desenvolver uma plataforma para medir o fluxo de visitantes no varejo físico, a FX Retail Analytics traz atualmente uma proposta muito maior: oferecer informações detalhadas sobre o comportamento do consumidor em lojas e shopping centers espalhados pelo Brasil. Agora, juntam-se a eles estabelecimentos das redes Granado e Lindt.

A tecnologia da FX está presente em todas as lojas das redes GrandVision by Fototica (89 unidades), Hering (105), Marisa (83) e The Beauty Box (53), além de estabelecimentos de marcas renomadas e também em shopping centers em diferentes regiões do país. Entre eles, alguns dos principais da capital paulista, como o Center Norte, Lar Center, Eldorado e Ibirapuera.

De acordo com Walter Sabini Junior, sócio-fundador da FX, a empresa optou nos primeiros dois anos por sentir o mercado, identificar as necessidades dos varejistas e desenvolver a plataforma tecnológica em conjunto com os clientes. “Nossa meta foi focar na disponibilização de uma solução escalável, com indicadores KPIs necessários para uma análise objetiva e com credibilidade. Dessa forma, conquistamos um marketshare significativo sem esforço comercial”, afirma.

A partir do segundo semestre, a FX promete novidades, como uma nova versão do hardware instalado nas lojas e do dashboard para o gerenciamento, com o incremento de indicadores, incluindo o reconhecimento do cliente. “Estamos finalizando o desenvolvimento da próxima geração da nossa solução, que deve revolucionar o analytics para o varejo físico ao identificar quem é o visitante que retorna à loja, algo ainda inédito e que pode ser colaborativo entre as redes”, explica o executivo.

Como funciona

Por meio de pequenos hardwares IoT (Internet das Coisas) multissensoriais desenvolvidos pela própria empresa e instalados em pontos estratégicos das lojas – sem necessidade de cabos ou servidores locais –, a FX Retail Analytics entrega via dashboard, aplicativo ou API os dados de fluxo e comportamento dos visitantes.

Com a análise de tráfego, o varejista pode viabilizar indicadores como taxas de conversão, de atratividade, de tempo de permanência, de frequência e dos consumidores nos estabelecimentos, com a possibilidade de descontar funcionários e visitas duplicadas, gerando indicador de visitantes únicos. Para as redes, é possível ainda ranquear os estabelecimentos entre si para a comparação de performance.

Mais informações no site: www.fxdata.com.br

 

Sobre a FX Retail Analytics:

A FX Retail Analytics oferece uma solução inovadora para ajudar o Varejo (Lojas, Shopping Centers, Quiosques, entre outros) a monitorar o fluxo de pessoas que transitam dentro e fora dos estabelecimentos. Por meio de tecnologia proprietária (Peek Computer) instalada sem cabos ou servidores locais, é capaz de monitorar e informar a quantidade de visitantes, funcionários, conversão, horas quentes, atratividade, entre outros indicadores, permitindo que decisões estratégicas sejam tomadas com mais precisão. Para mais informações, acesse: www.fxdata.com.br

 

Essa matéria também saiu em:

E-commerce News

 

Share on Facebook0Share on Google+0Share on LinkedIn0Tweet about this on Twitter
Gostou desse conteúdo?

Os comentários estão desativados.

Assessoria de Imprensa

NB Press
Nicole Barros
(11) 3254-6463
www.nbpress.com.br

Blog

Fique por dentro das novidades

  • Ler Post

    Agosto tem alta de 1,19% no fluxo de visitantes a shopping centers

    Levantamento realizado pela ABRASCE, em parceria com a FX Retail Analytics, aponta crescimento de 0,58% no acumulado do ano

    Gostou desse conteúdo?

    12.09.2017 - Por Equipe FX

  • Ler Post

    Saiba como a IoT pode aprimorar programas de fidelidade no varejo físico

    Os programas de fidelidade se consolidaram como grande trunfo do varejo para criar um hábito de compras recorrentes dos clientes em troca de bonificações.

    Gostou desse conteúdo?

    29.08.2017 - Por Walter Sabini Junior

  • Ler Post

    3 coisas que ainda levam o consumidor às lojas e como a tecnologia pode melhorá-las

    O comércio eletrônico cresce dois dígitos por ano e não é à toa. Cada vez mais os consumidores recorrem às lojas virtuais devido à facilidade de encontrar os produtos ao utilizar buscadores e comparadores, aos preços mais econômicos e à comodidade de adquirir determinado item sem sair de casa.

    Gostou desse conteúdo?

    21.08.2017 - Por Equipe FX

todos os posts