Monitoramento de visitantes ou contagem de fluxo no shopping? Entenda as principais diferenças

Por Equipe FX em 22.06.2016 às 20h48

Compartilhe

shopping-center-pessoas

 

O avanço do e-commerce fez muitos empresários de lojas físicas buscarem tecnologias que oferecessem métricas capazes de ajudar também na gestão – da mesma forma que o analytics auxilia empreendedores virtuais no Brasil.  Como exemplo destas soluções, temos as tecnologias que permitem acompanhar o movimento das pessoas dentro do estabelecimento. Entretanto, não basta contar a quantidade de clientes que circula no local. Para um shopping center, por exemplo, é preciso ter informações precisas e que realmente tragam insights para o centro de compras. Resumindo: é preciso monitorar o trajeto do consumidor. Confira as principais diferenças entre contagemmonitoramento de fluxo dos visitantes:

Sensorialização do comércio x atividade passiva

Um conceito que cresceu nos últimos anos é a sensorialização do comércio, que considera as lojas físicas como um importante ponto de experiência do usuário – o que vai ao encontro do novo perfil do consumidor. Por meio do monitoramento de fluxo dos visitantes, os gestores dos shopping centers conseguem criar relatórios específicos, que mostram o trajeto completo das pessoas dentro do estabelecimento – permitindo, por exemplo, os locais mais adequados para ações de marketing e até na revisão de espaços nobres. Já a contagem simples, que traz apenas a quantidade de pessoas que entraram no local, reflete a visão do cliente como agente passivo.

Omnichannel x isolamento

O conceito de omnichannel é apontado como uma das grandes tendências do varejo nos últimos anos. Ele diz respeito à união entre os canais on e off-line, ou seja, o consumidor utiliza a web para pesquisar, mas compra na loja física – ou vice-versa. Atualmente, o shopping precisa integrar todos os canais de atuação da empresa. Com o acompanhamento contínuo do consumidor, é possível cruzar informações e elaborar uma campanha assertiva. Por sua vez, o cálculo total de visitantes não oferece outras análises e, por isso, não une a estratégia da empresa.

Tempo real x atraso

Uma boa solução de monitoramento de fluxo consegue extrair e enviar dados praticamente em tempo real para o gestor do centro de compras, permitindo a tomada de decisões assim que ele identifica uma oportunidade de negócio. Já a contagem, que muitas vezes é feita manualmente por funcionários do empreendimento, além de passível de erros pode chegar tardiamente, não auxiliando na construção de campanhas e ações específicas para engajar os consumidores.

Estratégia x “achismo”

Hoje, para desenvolver uma estratégia eficiente, o shopping center precisa conhecer seu público. Com os diversos relatórios provenientes do monitoramento de fluxo dos visitantes, o gestor conhece os hábitos de compra dos seus consumidores, reduzindo as tentativas e erros que muitas vezes guiam o  planejamento de gestão de comércios no ambiente off-line.

 

 


4 comentários

leadlovers machine
Comentou em 09/07/16

Muito bom o artigo.


Rafael
Comentou em 23/07/16

Olá, fiquei com duas dúvidas em relação ao produto:
1 – Quando fala que posso medir a taxa de conversão do meu estabelecimento automaticamente, isso significa que o dispositivo sabe quando o cliente comprou?
2 – Se o alcance do aparelho é de 7 metros e o cliente sair da visão da câmera, uma segunda câmera (outro aparelho) consegue saber se é o mesmo cliente, para “segui-lo” em uma loja grande?
Obrigado


Equipe FX
Comentou em 18/10/16

Olá Rafael, obrigada por seu comentário!
Vamos às respostas:
1. É possível visualizar a taxa de conversão caso o seu ERP esteja integrado à nossa solução. É um procedimento bastante simples feito através de API;
2. Hoje é possível eliminar duplicidades, ou seja, o cliente será contado apenas uma vez dentro da loja, mesmo que ele faça um trajeto e seja monitorado por outro equipamento.
Espero ter sanado suas dúvidas!
Um abraço.


Fernandinho
Comentou em 27/08/16

Interessante.

Deixe seu comentário
*
*

© 2019 FX - Retail Analytics - Todos os direitos reservados.