Varejistas PMEs ganham opção para mensurar performance com FX

Por Equipe FX em 03.12.2015 às 17h09

Compartilhe

Ter uma empresa e ser o “próprio patrão” é o desejo dos empreendedores. Entretanto, a falta de preparação pode transformar em pesadelo o sonho de ter o próprio negócio. Levantamento do Sebrae mostra que 25% das micro e pequenas companhias “morrem” em dois anos.

O dado reforça a importância de consultorias e ferramentas que ofereçam inteligência e otimizem a operação de pequenas e médias empresas. No caso do setor varejista, este recurso envolve o monitoramento constante do fluxo de pessoas dentro da loja física.

“As informações coletadas sobre o tráfego dos clientes dentro e fora do estabelecimento servem de base para que o empresário coloque mais estratégia na administração do negócio”, comenta Marcelo Tavares, CEO da FX Flow Intelligence.

A empresa, especialista neste segmento, oferece uma solução completa e acessível para qualquer tamanho de empresa. Com assinatura a partir de R$ 299 mensais, a FX oferece insights por meio de relatórios detalhados, com taxa de atratividade (divisão entre aqueles que entraram na loja e o total que passou em frente), desempenho dos vendedores e até mesmo a taxa de conversão.

Existe ainda uma equipe técnica especializada que certifica e valida os dados, trazendo credibilidade para o processo. O empresário visualiza os relatórios em um dashboard online no computador ou até mesmo do celular e pode criar por conta própria análises específicas de acordo com o que deseja.

O monitoramento contínuo dos visitantes só é possível com o peek computer, minicomputador com processador QuadCore e tecnologia de visão computacional. Ele captura as informações em um raio de alcance de sete metros e envia os dados para o dashboard da FX via Internet. O equipamento é fixado com angulação de 45º a 180º e não possui cabeamento. A instalação é simples e imediata.

“Utilizar dados para tomar decisões estratégicas não é mais privilégio do e-commerce. Atualmente, os pequenos e médios empresários com loja física podem e devem buscar ferramentas que mensuram suas operações e vendas”, conclui José Augusto, Especialista em varejo do grupo HiPartners.

Link da matéria original.

Publicado também:

São Paulo Times
Atualidade On-line
Gazeta de Votoramtim
Expressa Mídia
CIAS Brasil

 

© 2019 FX - Retail Analytics - Todos os direitos reservados.